Participação na IV Feira Internacional de Franquias em Santiago no Chile

A franquia é um modelo de negócio que busca expansão geográfica para mercados nacionais e internacionais. É um modelo de escalabilidade rápida, que mostra-se eficiente, com baixo investimento inicial, custos de operação menores, crescimento rápido e fácil para novos mercados. Dessa forma, o


franqueado obtém um know how e uma presença da marca para auxiliá-lo, e para o franqueador, uma possibilidade de diversificar e aumentar a sua receita.


Segundo Peter Hill, presidente da Câmara de Comércio de Santiago (CCS), “muitas oportunidades estão surgindo no mundo das franquias, abrindo novos horizontes para pessoas que não querem ter chefes e que desejam aproveitar a experiência e o êxito de negócios comprovados”.


“Estudio de Mercado de las franquicias en Chile 2015-2016” pesquisa realizada por Nicole Pinaud da Académica del Departamento de Administración de la Facultad de Economía y Negocios de la Universidad de Chile. As franquias representam cerca de 9,4% do PIB do comércio chileno, que é superior a 7,9% de 2012.


Podemos destacar ainda, segundo a pesquisa de 2016, que existem 208 marcas que operam sob o formato de franquia no Chile e que obtiveram um aumento de 60% nos últimos quatro anos e 12,4% em relação a 2007, onde quase um terço são franquias nacionais.


No mercado chileno 40% das franquias trabalham com um investimento inicial inferior à US$ 50 mil e 80% abaixo de US$ 200 mil.


A divisão de segmentos das franquias no Chile é diferente do Brasil. O mercado é segmentado em: Educación (Educação), Servicios (Serviços), Gastronomia (Alimentação), Comercio (Comércio) e Indumentaria (Vestuário).


Outro dado da pesquisa nos mostra que, os principais setores que operam no modelo de franquias são:

  • ​39% - Alimentação

  • 23% - Serviços

  • 17% - Moda

  • 14% - Comércio

  • 7% - Educação

Podemos destacar que 82% das marcas presentes no Chile, tem origem nos seguintes países: Chile, EUA, Espanha, Peru e Argentina, gerando uma grande oportunidade para as marcas Brasileiras.


Nos últimos quatro anos a geração de empregos cresceu 47%, registrando 53.500 posições ocupadas.


Segundo Nicole Pinaud, existe uma tendência crescente para o mercado de franquias no Chile. Mas ainda sim, há desafios, como o apoio e a revisão das normas que regulam o mercado, desde o ponto de vista legal, fiscal e de trabalho, assim como na geração de iniciativas para apoiar a internacionalização de empresas nacionais, que podem vislumbrar este modelo de forma mais concreta para expandir suas operações.

© 2020 por Grupo Latino Americano de Franquias

  • YouTube
  • Instagram - White Circle