Mulheres no Franchising


Conciliar trabalho e tempo para a família tem sido um dos maiores desafios da mulher moderna. Na busca de mais qualidade de vida e sem esquecer é claro, do retorno financeiro, muitas mulheres têm se reinventado como empreendedoras. Para Emanuelle Caroline, colunista do site Administradores,

”o empreendedorismo feminino ganhou força desde a inserção da mulher no mercado de trabalho, porque muitas mulheres encontram na maternidade um estímulo adicional para abrir uma empresa aliando criatividade, dedicação e flexibilidade para participar mais de perto da educação dos filhos.


No Franchising este assunto não é muito diferente. Segundo a Bristish Franchise Association 30% de todas as empresas de franquia no Reino Unido, são de propriedade e administradas por mulheres. Este número segundo a BFA está muito acima da proporção média de empresas de propriedade do sexo feminino (PME).


Mulheres no Franchising é o tema do evento que ocorrerá no próximo dia 17 em Warwick, a capital do Condado de Warwickshire, na Inglaterra. Com uma agenda repleta de apresentações envolventes e uma série de grupos de discussão, liderados por mulheres bem sucedidas e inspiradoras no franchising e no mundo empresarial, Mulheres no Franchising será uma oportunidade de compartilhar experiências, melhores práticas e conhecimentos.


No Brasil segundo a ABF 44% das franquias são comandadas por mulheres e este tipo de evento citado acima, também já ocorreu por aqui, além do Comitê Mulheres do Franchising, que existe a algum tempo.


Segundo Reinaldo Saad, diretor da Deloitte, a força da mulher foi triplicada ao longo dos anos. A elevação da participação feminina no mundo pulou de 17% para 54%, segundo o estudo apresentado por ele no último evento da ABF, que tratava deste assunto. “Também podemos afirmar que o consumo das mulheres é maior que o PIB total da China e Índia”, afirmou. Um dos dados que indicam que as mulheres conquistarão ainda mais terreno no mundo dos negócios é que a mulher tem se capacitado mais do que os homens. Elas são maioria nos cursos de graduação e especializações, explicou Saad.


Fontes: BFA, ABF, Site Administradores

© 2020 por Grupo Latino Americano de Franquias

  • YouTube
  • Instagram - White Circle
logo-abf-280.png