A transformação digital e seu impacto no varejo


A transformação digital não é apenas uma tendência, é uma revolução em que o setor de varejo enfrenta o uso de tecnologia e comércio virtual.


Hoje em dia, os consumidores sabem que, com um apertar de um botão no seu celular, é possível acessar uma riqueza de informações sobre o mercado, e aguardam experiências multicanais por parte das marcas e lojas, de forma que suas experiências de uso sejam similares e contínuas. No setor de franquia, esta similaridade e continuidade, essa consistência, é conhecida como "qualidade".


Esta qualidade é o que constrói marcas e implica por sua vez, em novas oportunidades e desafios para os varejistas, sejam eles pequenos ou grandes. Quanto mais consumidores estão conectados neste mundo virtual, maior será a chance de uma pequena empresa capturar e analisar seu comportamento e hábitos de consumo, com o objetivo de atingir diretamente e com uma proposta de valor mais personalizada, fazendo com que a experiência de compra, seja completa e consistente.


Muitas marcas fazem uso de várias tecnologias, em suas tentativas de oferecer novas experiências e capitalizar novas oportunidades de negócios.


Algumas marcas de varejo, como as espanholas, contam com um aplicativo chamado Scan&Shop, por exemplo, baseado em tecnologia aumentada e reconhecimento de imagens, que permite escanear imagens de vestuário e acessórios de um catálogo, dessa forma é possível comprar através do mesmo app ou localizar a loja mais próxima.


Outras marcas de varejo, como as marcas americanas, começaram a utilizar os chamados beacons, uma tecnologia instalada em suas lojas físicas que enviam aos clientes (que dispõem de um certo aplicativo) descontos e recompensas, enquanto eles fazem suas compras, criando uma experiência de compra.


Os grandes varejistas, não ficaram para trás. Os pioneiros da indústria integram e alinham tecnologias SMACIT (social, mobile, analytics, cloud, and internet of things) para oferecer uma experiência de compra que vai além do convencional, atingindo uma rentabilidade e atraindo gerações como os "millennials".


Mesmo no mundo de food & beverage, as marcas estão inovando através da tecnologia. Algumas franquias globais, por exemplo, utilizam o serviço Mobile Order & Pay, no qual permite que seus franqueados realizem pedidos mediante a dispositivos móveis, antes de visitar seus estabelecimentos, pagando e retirando, evitando atrasos.


A transformação digital é uma revolução, e toda revolução dói e custa. As franquias são sistemas vivos, assim como as marcas e desta forma, as revoluções são necessárias para a evolução do sistema.

© 2020 por Grupo Latino Americano de Franquias

  • YouTube
  • Instagram - White Circle