8 sinais de alerta para você não comprar uma franquia


Não há dúvida de que comprar a franquia certa, no momento certo, pode ser uma oportunidade de negócio fantástica por várias razões:

  • Negócios comprovados e replicáveis tornam sua inicialização e o crescimento fácil e escalável;

  • Uma marca estabelecida e com suporte de marketing, aprimora seus próprios esforços, em prol de sua rede;

  • Fazer parte de uma comunidade de colegas franqueados, al´´m de contar com o suporte mais experiente da Franqueadora.

No entanto, seria ingênuo supor que toda franquia seja uma boa compra em potencial. Assim como qualquer outro aspecto de negócio, um “investidor atento” é válido na busca por uma oportunidade de uma boa franquia.


É triste dizer que há empresas vendendo oportunidades de franquia sem metas, além de cobrar taxas de franquia iniciais e seguir em frente sem prestar o devido suporte. Existe ainda, franqueadores que realmente se organizam para a prestação de um suporte eficiente para que seus franqueados tenham sucesso, mas eles ainda estão lutando para apoiar seus franqueados de forma eficaz.


Em ambos os casos, empreendedores sinceros que estão procurando investir em uma oportunidade de franquia, que podem contar com renda fixa a longo prazo, precisarão identificar e evitar más escolhas de franquia ou arriscarão tempo, dinheiro e esforços para embarcar em um navio a deriva.


A seguir estão oito sinais de alerta que podem ajudá-lo a identificar uma franquia que você não deve comprar.


Não compre uma franquia se você notar...


1. Um discurso de vendas de alta pressão.

Franquias dignas que têm comprovado histórico de sucesso também têm reputação a defender. Quando você está investigando uma marca de franquia, você deve se sentir como se estivesse em uma entrevista de emprego, e não em um seminário para enriquecimento rápido. Se o representante do franqueador tentar convencer você a assinar, pressionar para tomar uma decisão rápida ou continuar oferecendo descontos para "adulterar o acordo", saia com gentileza.


2. Papelada inadequada, incompleta ou ausente.

A lei está do seu lado se você está comprando uma franquia; A venda de franquias é altamente regulada e existem documentos importantes que um franqueado em potencial deve receber, incluindo a Circular de Oferta de Franquias (COF). Se houver falta de documentos vitais, aparência ou conteúdo pouco profissional ou vagar intencionalmente em como estão redigidos, há uma boa chance do franqueador estar escondendo algo ou esperando encontrar compradores que não saibam que há um problema.


3. Vendedores e documentos que não são sincronizados.

Em alguns casos, o vendedor pode ser muito profissional e prestativo, e a documentação pode parecer perfeita, mas se eles estiverem contando duas histórias diferentes, isso gera uma séria bandeira vermelha. Legalmente falando, você ficará atado ao que está no papel. Bons vendedores que trabalham para empresas ruins podem fazer uma oportunidade de franquia parecer mais segura, menos cara ou mais lucrativa do que realmente é.


4. Um passado quadriculado.

Basta fazer algumas pesquisas básicas no Google, você deve ser capaz de determinar que tipo de reputação tem uma empresa de franquia. Existe uma longa história de problemas legais? Outros franqueados estão reclamando da empresa? O franqueador recentemente passou por sérios problemas financeiros ou algum tipo de pesadelo de relações públicas? É importante reconhecer que nenhuma empresa é perfeita e você provavelmente encontrará uma crítica negativa ocasional, não importando a confiabilidade de uma empresa, mas, se estiver vendo uma tendência preocupante, preste atenção.


5. Um desequilíbrio entre os franqueados.

Muitas vezes, um franqueador mais antigo e bem estabelecido, geralmente apresenta mais franqueados e que estão performando bem. Se essas duas métricas estão altamente desequilibradas em qualquer direção, é provável que algo esteja errado. Um franqueador que acabou de incorporar no ano passado e já está ostentando mais de mil franqueados de sucesso, é provável que ele esteja mentindo ou não está fornecendo absolutamente nenhum apoio a esses empresários. Da mesma forma, um franqueador que está no mercado há 50 anos, mas tem apenas 34 franquias, pode não oferecer o tipo de suporte necessário.


6. Alta rotatividade de franqueados.

Na lei brasileira de franquias o franqueador deve informar quantos franqueados deixaram um sistema de franquias nos últimos anos. Como regra geral, quanto mais barata for a franquia, mais alta será a taxa de rotatividade. Isso é apenas lógico com base no nível de comprometimento do proprietário do negócio. No entanto, uma alta taxa de rotatividade em relação ao número total de franqueados - especialmente se os custos iniciais forem relativamente altos - pode ser um sinal de que a oportunidade pode não ser viável.


7. Um programa de treinamento inadequado.

Um sólido programa de treinamento em franquias deve permitir que alguém que nunca trabalhou em uma indústria e nunca possuiu uma empresa, se familiarize com rapidez suficiente para garantir a lucratividade dentro de um período de tempo razoável. Se alguma coisa sobre o programa de treinamento proposto parece ser inadequada, muito curta e apressada, ou muito prolongada, você definitivamente vai querer falar com os franqueados de sucesso existentes que já passaram pelo programa. Se você ainda não estiver confortável, não siga em frente.


8. Remexendo e experimentando o modelo de negócios.

Um dos principais benefícios de comprar uma franquia estabelecida (em oposição a iniciar seu próprio negócio a partir do zero) é o fato de que o modelo de negócio, os processos e outros aspectos das operações do negócio são (supostamente) testados e comprovados. Se um franqueador se orgulha de mudar constantemente a metodologia ou se os atuais franqueados estão tendo dificuldade em acompanhar quantos "pivôs estratégicos" a empresa-mãe faz a cada ano, esse benefício-chave desaparece.


Se você está investigando uma oportunidade de franquia e não encontra nenhum desses sinais de alerta, há uma boa chance de você estar olhando para uma oportunidade legítima.

Mesmo assim, no entanto, é melhor ter um especialista para ajudá-lo a comparar várias opções de franquia antes de escolher a certa para você. Aqui no Grupo Latino Americano de franquias, nós auxiliamos nossos clientes a tomar a melhor decisão com base em seu interesse e perfil empresarial, bem como em relação ao seu nível de investimento. Se você precisa de ajuda para escolher uma franquia, entre em contato conosco, clique aqui.


Adaptado da fonte: www.allbusiness.com

© 2020 por Grupo Latino Americano de Franquias

  • Instagram - White Circle